Direito de resposta extrajudicial do senador Ivo Cassol (PP)

Nota do senador Ivo Cassol.

Assessoria/Foto: reprodução
Publicada em 18 de abril de 2017 às 14:52
Direito de resposta extrajudicial do senador Ivo Cassol (PP)

Jornalismo investigativo SIM, difamação NÃO.

Sobre as falsas notícias disseminadas em alguns jornais eletrônicos e outros meios de comunicação, repudiamos a difamação e em respeito às pessoas de bem, esclarecemos os fatos:

1 – Sobre venda de gado – nenhum abate de gado ou venda de animais é realizado pelo Grupo Cassol sem estar declarado nos órgãos de controle fiscal e de sanidade animal.

As fazendas do Grupo Cassol produzem boi de engorda através do método confinamento. Ressalto que o gado em confinamento tem dia certo para o abate em função de seu ciclo de engorda.

Ademais, os recursos do abate foram destinados para investimentos na construção da usina hidrelétrica do Grupo, a Unidade de Caximbo Alto em Alta Floresta.

Igualmente, há de esclarecer que a venda de gado foi feita para outro frigorífico e não para empresa Fertipar e Cairu, que nada tem a ver com o assunto e o tal frigorífico Fetipar nem existe em Rondônia.

2 – Sobre a viagem para os EUA em 2012 – NADA, absolutamente NADA da viagem da minha família aos EUA foi patrocinado por alguém a não ser por mim e pela minha família.

Passagens aéreas e estadias podem ser comprovadas através das faturas dos cartões de crédito, documentos estes que estão a disposição da justiça.

3 – Reafirmo que as acusações são levianas e descabidas, desconheço qualquer pagamento a meus advogados por terceiros. Os advogados possuem procuração somente para me defender e atuar nos processos do início ao fim, jamais autorizei qualquer pessoa a pagar qualquer conta que seja, muito menos usar meu nome para negociações com qualquer empresa ou grupo econômico.

4 – Reafirmo, ainda, que vejo essa denúncia como uma retaliação por ter sido contra a isenção de UM BILHÃO de impostos dado em 2.011 aos consórcios que construíram as usinas Jirau e Santo Antônio.

Com fé em Deus, com o apoio de minha família e as pessoas de bem tenho certeza que estarei presente para vencer mais essa incrédula batalha, de ter que provar a verdade, como tantas outras batalhas que já provei e venci nos tribunais, mesmo tendo sido condenado por antecipação por alguns setores da mídia e os adversários políticos.

Brasília/DF, 18 de abril de 2.017.

Senador Ivo Cassol

Comentários

  • 1
    image
    GUSTAVO OLIVEIRA 19/04/2017

    Se Rondonia eleger Acir governador, pode fechar e jogar a chave fora. Alem de administrador pifio, suas empresas só funcionavam sob seu comando porque tinha o atual deputado e seu tio Airton como diretor, ele sim competente e integro e tambem por usar de força financeira para ter seus pleitos atendidos. Acir foi prefeito de Ji Paraná e deixou o municipio quebrado e num lamaçal de denuncias e suspeitas, mas alem disso, tem ele um defeito imperdoavel: não tem gratidão e sim ambição. Foi eleito sob as asas de Lula e Dilma e os traiu na primeira oportunidade. Meu voto nunca mais. Prefiro Cassol governador em quem nunca votei, mas sei do seu trabalho, do que o traira do Acir, embora Cassol tambem seja traira no caso que citei, só que ele elegeu-se por si só e não por Dilma e cia. Quero agora que o barbudo senador do PMDB Raupp seja julgado pelo eleitor...

  • 2
    image
    joão bosco 18/04/2017

    so existe duas maneira de ficar rico uma roubando e outra recebendo por herança roubo. no caso brasileiro a riqueza e oriundo do crime ambiental e previdênciário e tributário todo compativel com o estado de direito que não toma posição nenhuma com relação a essa forma de enriquecer ao contrario produz foro privilegiado isenção tributária e juros subsidiados direito de resposta e todas as garantias mais a sociedade como um todo não tem direito a nada.

  • 3
    image
    O GUARDIÃO 18/04/2017

    Pura falácia. Vai provar sua inocência tal qual provou nos casos das licitações em Rolim de Moura.

  • 4
    image
    Marcílio Alcântara Pessoa 18/04/2017

    Não sou a favor de nenhum tipo de corrupção, malversação do dinheiro público ou qualquer tipo de prejuízo ao erário público. O Cassol terá o direto de se defender, se em última instância for condenado tem que pagar por seu erro! O mesmo falo dos processos que o Senador Acir Gurgacz e sua empresas devem a previdência social e de possível sonegação fiscal de impostos Estaduais, Municipais e Federal, se for julgado condenado l, deverá pagar por seus crimes e ressarcir os cofres cofres públicos. No meu entendimento, a intenção do Senador Acir Gurgacz ser Governador do estado de Rondônia, se eleito for, podemos usar aquela famosa frase"Colocar o lobo para cuidar dos galinheiros". Ele sendo governador, permitirá fiscalização da Sefin em suas empresas?? Acredito que não, em 2018 a população do estado de Rondônia irá definir o futuro para o estado, por isso precisamos analisat muito bem em quem votar, porque os lobos estão soltos!!!!

  • 5
    image
    joão jackson 18/04/2017

    COITADO DO CASSOL, ESTÁ IGUAL AQUELAS COBRAS QUANDO TOMA VÁRIAS PAULADAS E CONTINUA SE MEXENDO, SÓ QUE EU ACHO QUE ESSA FOI A ÚLTIMA PAULADA, POIS VC TEM QUE ENTENDER QUE SUA CARREIRA POLÍTICA EM RONDÔNIA ACABOU, SE QUISER CONTINUAR SENDO POLÍTICO FAÇA COMO A RAPOZONA DO SARNEI QUE SAIU DO MARANHÃO E FOI PARA O AMAPÁ, PQ AQUI PRA VC UM ABRAÇO.

Envie seu Comentário

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook