Governador Confúcio Moura fala da importância da Defensoria Pública durante posse de defensor público-geral

A cerimônia de posse aconteceu na sexta-feira (14), no Teatro Guaporé.

Texto: Eleni Caetano Fotos: Daiane Mendonça
Publicada em 17 de julho de 2017 às 10:44
Governador Confúcio Moura fala da importância da Defensoria Pública durante posse de defensor público-geral

O defensor público-geral do estado de Rondônia, Marcus Edson de Lima, foi reconduzido ao cargo para o biênio 2017/2019, pelo Conselho Superior da Defensoria Pública. A cerimônia de posse aconteceu na sexta-feira (14), no Teatro Guaporé. O governador Confúcio Moura prestigiou o evento e disse que Marcus Edson foi reeleito com cerca de 80% dos votos e destacou os avanços na Defensoria Pública, principalmente após a criação do fundo de captação de recursos para custear as despesas e até para contratar novos defensores.

Confúcio Moura também destacou a importância da Defensoria Pública para garantir justiça aos mais carentes. E aproveitou para fazer um pequeno resumo da situação financeira de Rondônia diante do cenário nacional, “nós estamos fazendo milagres, multiplicando os pães, ajudando os prefeitos, nós estamos entrando no Brasil, nós temos dois terço do território nacional, estamos levando oxigênio para o mundo”, afirmou o governador ao ressaltar a importância do trabalho sério e comprometido que vem sendo desenvolvido em Rondônia.

O defensor público-geral, Marcus Edson de Lima, destacou os avanços da defensoria nos últimos dois anos, a exemplo do concurso público para formação do quadro efetivo da Defensoria e a criação do fundo para captação de recurso, que garantiu ao órgão recurso para pagar folha de pessoal e as despesas da Defensoria.

A solenidade contou com a presença de várias autoridades, entre as quais o deputado Léo Moraes, que estava representando o poder legislativo, o vice-presidente do Tribunal de Justiça de Rondônia, desembargador Isaias Fonseca Moraes, o presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), seccional Rondônia, e o sub defensor público geral do Rio de Janeiro (Condege), Rodrigo Batista Pacheco.

Comentários

    Seja o primeiro a comentar

Envie seu Comentário

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook