Índios que cobravam pedágio em rodovia da região são presos; polícia usou até helicóptero na ação

Dos 15 mandados de prisão, 10 já foram cumpridos em Comodoro (MT).

Folha do Sul 
Publicada em 12 de junho de 2018 às 14:41
Índios que cobravam pedágio em rodovia da região são presos; polícia usou até helicóptero na ação

Mensagens trocadas através do WhatsApp, num grupo que reúne caminhoneiros no aplicativo, davam conta de que agentes das polícias Federal e Rodoviária Federal teriam espancado um grupo de índios próximo à cidade de Comodoro (MT), que fica a 110 km de Vilhena.

Um áudio, compartilhado no mesmo grupo, informava que, por causa do confronto entre os indígenas e os policiais, um trecho da BR 364 estava interditado na manhã desta terça-feira,12. Imagens divulgadas mostram caminhões parados e um grande número de viaturas na rodovia.

Em contato com a PRF de Vilhena, que não participou da ação, o FOLHA DO SUL ON LINE foi informado de que não houve violência contra os índios, acusados de extorsão por cobrar pedágio de quem utiliza a estrada, que liga Rondônia ao restante do país. Mas foi necessário o uso da força para prender, até agora, dez dos índios, já que alguns deles chegaram a se esconder no mato. Mas eram 15 os que estão com a prisão decretada.

A corporação também informou que o tráfego de veículos já foi normalizado após a captura dos índios.

As prisões foram determinadas pela justiça, e um helicóptero chegou a ser usado na ação policial. Os acusados serão levados para a Polícia Federal em Cáceres (MT), onde prestarão depoimentos.

Comentários

  • 1
    image
    Osmar 12/06/2018

    Os maus exemplos de políticos que ganham propinas de tudo chegou até nas aldeias, se político pode, índio tbm Pode, então prendam os brancos pra servir de exemplo aos sivicolas!!!

Envie seu Comentário

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook