Mariana Carvalho lidera corrida sucessória para o Governo de Rondônia, aponta pesquisa

Mariana faz parte dos planos do PSDB para ocupar a  vaga do governador Confúcio Moura, que se desincompatibilizará do cargo no próximo ano para disputar uma das duas vagas no Senado.

Tudorondonia
Publicada em 07 de agosto de 2017 às 14:51
Mariana Carvalho lidera corrida sucessória para o Governo de Rondônia, aponta pesquisa

Pesquisa do  Instituto Phoenix divulgada nesta segunda-feira aponta a deputada federal Mariana Carvalho (PSDB) em primeiro lugar , com 35% , nas intenções de voto para o Governo do Estado nas  eleições de  2018.

Mariana faz parte dos planos do PSDB para ocupar a  vaga do governador Confúcio Moura, que se desincompatibilizará do cargo no próximo ano para disputar uma das duas vagas no Senado, provavelmente pelo PSB, de seu vice,  Daniel  Pereira, e do ex-prefeito de Porto Velho,  o  ex-deputado federal Mauro Nazif.

É que, embora duas  vagas estejam em disputa para o Senado em 2018 – a  de Ivo Cassol  (PR) e a de Valdir Raupp (PMDB) -, dificilmente os peemedebistas lançariam dois candidatos do mesmo partido , daí a possibilidade de  Confúcio deixar o PMDB e disputar o Senado pelo PSB.

Na pesquisa  do Instituto Phoenix, o senador e empresário Acir Gurgacz (PDT), do grupo Eucatur, aparece em segundo lugar, mas bem atrás  de Mariana nas intenções  de voto. Ele  tem apenas 18,9%.

A surpresa da pesquisa  é a intenção de voto de Pimenta de Rondônia, do PSOL, que aparece em terceiro lugar com 11,7%. Ele pode estar pontuando acima das expectativas em função do quadro de decepção do eleitor com os políticos tradicionais. Além disso, Pimenta já é conhecido por ter disputado várias eleições majoritárias, ocupando espaço no rádio e na televisão.

O senador Ivo Cassol (PR), com 9,5% das intenções de voto, vem logo atrás de Pimenta de Rondônia e  na frente do presidente da Assembleia Legislativa de Rondônia, Maurão de Carvalho, com 8, 8% das intenções de voto para o Governo.

Na sequência aparecem o promotor de  Justiça Everton Aguiar, do Ministério Público de Rondônia, com 4,5%; o  vice-governador de  Rondônia,  Daniel Pereira (PSB), com 4,2% , e o  juiz de Direito aposentado Léo Fachin, com 2,7%.

A pesquisa ouviu novecentas e  onze pessoas no período de  4 a 8 deste mês. A margem de erro é de  2,83% para mais ou para menos. O estatístico responsável é  Augusto da Silva Rocha. A sondagem foi contratada pela Asssociação de Defesa dos Direitos  da Cidadania. 

Comentários

  • 1
    image
    Maristony Ribeiro Maio 08/08/2017

    Nenhum/nulo 0% não existe Branco 0% não existe essa pesquisa e fanta na atual situação política do país, brincadeira, MITO 2018.

  • 2
    image
    Valter Rossoni 08/08/2017

    O pesquisa fuleira essa fenix nao acerta nem par ou impar falar que Mariana esta liderando pesquisa e realmente uma piada cassol ou expedito sempre essa mariana nao cuida nem dos seua problemas pessoais nao sabe o que quer

  • 3
    image
    wilson cardoso 08/08/2017

    Bom dia a todos, com respeito aos nomes, mas faltaram nomes que gozam de credibilidade em Porto Velho e no interior por exemplo do José Guedes mais conhecido como Guedes.

  • 4
    image
    João Costa 08/08/2017

    O Acir desembolsou quanto para esse resultado da pesquisa ?.

  • 5
    image
    joao roberto 08/08/2017

    AS PESQUISA FEITAS EM PORTO VELHO NAO REFLETE A OPINIAO DO RONDONIENESE DE PIMENTEIRAS E DIGO MAIS AS PESQUISAS NAO COLOCAVA O SENHOR DOUTOR HILDON CHAVES EM CONDICOES DE CONCORRER E O RESULTADO DISPUTOU E VENCEU TODAS AS PESQUISAS DE PORTO VELHO, ENTAO INSTITUTO FHOENIX VA CONTAR FAVAS.

  • 6
    image
    joao roberto 08/08/2017

    AS PESQUISA FEITAS EM PORTO VELHO NAO REFLETE A OPINIAO DO RONDONIENESE DE PIMENTEIRAS E DIGO MAIS AS PESQUISAS NAO COLOCAVA O SENHOR DOUTOR HILDON CHAVES EM CONDICOES DE CONCORRER E O RESULTADO DISPUTOU E VENCEU TODAS AS PESQUISAS DE PORTO VELHO, ENTAO INSTITUTO FHOENIX VA CONTAR FAVAS.

  • 7
    image
    Observador 08/08/2017

    Ela deveria ser Presidente dos EUA. Fez Direito e Medicina ao mesmo tempo em que era vereadora. Tá certo que foi na faculdade do papai, mas a mulher é um fenômeno, né?

  • 8
    image
    Laercio dos Santos 08/08/2017

    Acho que essa reportagem, é conversa pra boi dormir!

  • 9
    image
    j paulo 08/08/2017

    Vamos ver qual é o seu posicionamento sobre reforma previdenciaria contra os assalariados, porque os corruptos que governam o pais dão rombo e o culpado é o trabalhador. Já excluímos os corruptos que defendem os crimes de temer agora vamos filtrar os trairas do povo com essas reformas.

  • 10
    image
    o povo tem que aprender votar por isso que o nosso 08/08/2017

    caras novas nao vamos fazer igual amazonas escolheu velhas rapozas da politica

  • 11
    image
    franco da rocha 07/08/2017

    GENTE NÃO QUERO INCENTIVAR MAS CUIDADO POIS ESSES NOMES SÃO AS MESMICE não escolham agora nenhum nome facam de conta que ainda estão avaliando pois pode incentivar outros eleitores.

  • 12
    image
    DOMINGOS 07/08/2017

    Pura enganação, isto e querer induzir o povo com engano, dizer que um candidato vai ganhar aqui em Rondônia, o quadro de candidatos não estar correto, falta partido com seu respectivo candidato, e o TSE tem que aceitar e não discriminar, quem dará resposta e o povo nas urnas, isto porque o brasileiro estar farto de calunia, e desta justiça que protege corruptos.

  • 13
    image
    CARLSON 07/08/2017

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • 14
    image
    joao roberto 07/08/2017

    ESTE INSTITUTO SEMPRE FAZ PESQUISA MAS SEMPRE DA ERRADO , GRAVEM SENHORES ESSES PERCENTUAIS E CONFIRAM DEPOIS DA ELEICAO O QUE DIGO , O FENIX SEMPRE ERRA E DE GRANDE.

  • 15
    image
    Antonio Alves 07/08/2017

    Me poupe dessa agência de pesquisa phoenix, com todo respeito a Mariana, que tem grandes chances. Acompanho a phoenix, parece-me que, quem paga mais, sobe nas pesquisas, divulguem pesquisas de institutos de vergonha. Grato. Antonio.

  • 16
    image
    Marcílio Alcântara Pessoa 07/08/2017

    Caso a pesquisa fosse por um instituto de credibilidade, eu poderia até acreditar! Mais esse Instituto sempre errou em.todas as pesquisas que já realizou.

Envie seu Comentário

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook