/ geral / iptu

09/12/2013 - 16h41min - Atualizado em 09/12/2013 - 16h41min

Porto Velho: Semfaz divulga atualização do valor do IPTU para 2014

No caso do ano de 2013, a arrecadação do IPTU superou a expectativa.

Porto Velho, Rondônia - A atualização anual do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) no município de Porto Velho acontece em conformidade à Lei Complementar 199/2004. Para o caso dos imóveis edificados, que se constituem na parte mais expressiva do total da arrecadação, a base de cálculo para os valores é composta pela alíquota de 0,5 % do valor venal dos imóveis, para a qual podem ser aplicados percentuais redutores, e pela Unidade de Padrão Fiscal (UPF) relativa ao período passado desde a última atualização. No exercício de 2014 a atualização será correspondente a 11,71%.

De acordo com Adão Colombo, diretor em exercício da Divisão de Administração de Tributos da Secretaria Municipal de Fazenda (DAT/Semfaz), a base de cálculo para depreensão do valor venal dos imóveis em Porto Velho está defasada em função da Planta Genérica de Valores (PGV) ter sido atualizada pela última vez em 2003. Para atualizar a PGV é preciso imagens aéreas de toda a cidade, segundo um processo de fotos em alta definição chamado de aerofotogrametria. É por meio dessas imagens que são verificadas as mudanças ocorridas nos imóveis e são analisadas suas áreas construídas de acordo com os valores atualizados pelo mercado imobiliário.

Em 2003, quando ocorreu a última atualização da PGV, foi adotado um percentual redutor na Base de 35%, porque naquele momento o IPTU passava a ficar muito alto em relação ao ano anterior. Assim, de ano a ano o redutor deveria diminuir, até que não fosse mais adotado. Um imóvel no valor de R$ 100.000,00, por exemplo, passava a ser avaliado para efeitos de tributação por R$ 65.000,00. A cada ano o índice redutor deveria abaixar até que o imóvel pudesse ser considerado de acordo com a realidade demonstrada na PGV de 2003. À Semfaz caberia levar anualmente à Câmara Municipal um anteprojeto de lei propondo qual seria a taxa de redução. No caso do lançamento de 2014, o redutor deveria estar zerado, mas o prefeito, porém, pediu a manutenção do índice redutor em 5%.

Quanto ao percentual relativo à UPF, o calculo é feito pela média do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) no período passado desde a última verificação até a data de lançamento do próximo período. Para o exercício de 2014, considerando-se a data de novembro de 2012 a outubro de 2013, o índice encontrado foi de 5,83%. O secretário da Semfaz, Marcelo Siqueira, explicou que a adequação aos diversos casos específicos para a cobrança do IPTU possibilitou o resultado geral de 11,83%.

No caso do ano de 2013, a arrecadação do IPTU superou a expectativa. O valor orçado era de 11,59 milhões, mas em outubro já se verificava uma arrecadação superior a 12 milhões. “O pagamento desse imposto é uma obrigação dos cidadãos. Em todo o território nacional ele é cobrado pelos municípios. Embora ainda tenhamos um índice muito alto de inadimplência, percebemos que em Porto Velho as pessoas estão se tornando mais conscientes de suas obrigações. Isso é bom para o município, mas também é bom para os contribuintes que não passa a acumular juros e multas aos seus impostos”, observou Adão Colombo.

De acordo com o secretário da Semfaz, os carnês do IPTU 2014 já foram licitados e, até a primeira quinzena de janeiro, deverão estar todos entregues nas residências. Nos primeiros dias de janeiro estarão também disponíveis pela WEB os valores relativos a cada imóvel. “Neste ano, a arrecadação foi quase maior pela WEB. Sabemos que esse é o melhor meio para arrecadação, porque ajuda ao contribuinte que não precisa mais se deslocar e vir à Semfaz, entrar em filas e esperar pelo atendimento. Contudo, de acordo com lei, a notificação do IPTU ocorre com a entrega dos carnês, essa é a forma oficial de notificação pessoal, de forma que não é pensado, ao menos por enquanto, a não emissão de carnês”, explicou Siqueira, que também informou que para o exercício de 2015 deverá haver mudanças na cobrança do imposto, porque uma nova Planta Genérica de Valores (PGV) deverá ser efetuada durante 2014, o que fará com que os valores venais sejam atualizados de acordo com as mudanças acontecidas na cidade e com a realidade do mercado imobiliário.

Por Renato Menghi

Leia também:

comentários

COMENTÁRIOS


Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

publicidade
RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 27/02/2015 ás 17:35:00

STF volta a analisar pensão vitalícia para ex-governadores

Tramitam no STF pelo menos outras nove ações direitas de inconstitucionalidade sobre o mesmo tema,inclusive referente a Rondônia.

POLíTICA | matéria escrita em 27/02/2015 ás 17:30:00

Governo favorece apadrinhados com “grupos de trabalho”

Manobra permite pagar gordas gratificações a secretários e “amigos do rei” burlando a legislação.

POLíTICA | matéria escrita em 27/02/2015 ás 17:26:00

Deputado Aélcio da TV se reúne com governador e discute criação de Coordenadoria Metropolitana

Durante a reunião, o governador garantiu dar atenção à criação da coordenadoria , que ficaria ligada ao Departamento de Estradas e Rodagens (DER).

GERAL | matéria escrita em 27/02/2015 ás 14:59:00

Questionada pelo MP, Sesau descarta contratações emergenciais em detrimento de convocação de concursados

Conforme relatou Luis Eduardo Maiorquin na reunião, a orientação dada à SEAD é de que, só após a convocação de aprovados em concurso, sejam feitas as contratações emergenciais.

RONDôNIA JURíDICO | matéria escrita em 27/02/2015 ás 14:52:00

Exames da Ordem

Por Andrey Cavalcante

POLíTICA | matéria escrita em 27/02/2015 ás 14:49:00

Lucio Mosquini reivindica recursos para Expresso Porto e recuperação de BR no Cone Sul

Ainda na quarta-feira, recebido em café da manhã pelo vice-presidente da república Michel Temer, Lucio Mosquini reafirmou seu compromisso com a unidade do PMDB.

GERAL | matéria escrita em 27/02/2015 ás 11:19:00

Trabalhadores em educação avaliam omissão do governo do Estado e podem discutir proposta de greve em assembleia

Os trabalhadores em educação estão revoltados com o governo do Estado pelo não cumprimento do reajuste de 6% em janeiro de 2015.

GERAL | matéria escrita em 27/02/2015 ás 11:17:00

Defesa Civil se reúne com manifestantes que fecharam a ponte da BR319

Moradores do Beco do Birro, Beco Gravatal, Bairro da Balsa e Bairro Nacional fecharam o acesso à BR319 na cabeceira da ponte na manhã do dia 25, inclusive ateando fogo para conter o fluxo de veículos.

POLíTICA | matéria escrita em 27/02/2015 ás 10:33:00

Deputado Luiz Cláudio vai ao Ministério dos Transportes lutar pelos viadutos e obras em Cacoal

Luiz Claúdio foi em busca de respostas que possam ser oferecidas aos munícipes daquela cidade, que tem feito inúmeros pedidos de providências objetivando a solução do problema.

GERAL | matéria escrita em 27/02/2015 ás 10:01:00

Centro de Referência oferece atendimento psicológico, social e terapêutico a dependentes químicos

Três comunidades terapêuticas conveniadas com o governo estadual disponibilizam 106 vagas para internação voluntária de dependentes químicos.

POLíTICA | matéria escrita em 27/02/2015 ás 09:58:00

Sindicalistas dizem que Caerd está um caos e pedem apoio

Dirigentes afirmam que os servidores da Caerd vivem em um ambiente hostil, de perseguição.

GERAL | matéria escrita em 27/02/2015 ás 09:57:00

Coluna da Jussara Gottlieb - Festa Animada e Entrevista com Rondoniense que vai à Marte

Advogado em Obra sobre Direito Tributário; SUTURA SILHOUETTE a novidade rejuvenescedora

GERAL | matéria escrita em 27/02/2015 ás 08:54:00

População poderá visitar Parque Natural de Porto Velho a partir deste sábado

O parque será reaberto para visitação pública neste sábado, dia 28 de fevereiro.

POLíTICA | matéria escrita em 27/02/2015 ás 08:35:00

Cacoal: Moradores do Jardim Clodoaldo pedem socorro a Maria Simões

Um erro no serviço de drenagem tem provocado alagamentos em diversas residências.

POLíTICA | matéria escrita em 27/02/2015 ás 08:31:00

Política de Conteúdo Local... e eu “Kico”?!

Davi Nogueira

publicidade
publicidade
© Tudo Rondônia 2005-2013 web site jornalístico - todos os direitos reservados
Editor responsável: Rubens Coutinho/ Registro Profissional 192 DRT/RO
Redação e administração: Avenida Calama com Lauro Sodré, 1118 - Salas 305 e 306 - Bairro Olaria - Porto Velho, Rondônia - CEP 76801-276 MSN/e-mail: tudorondonia@gmail.com