Projeto do deputado Mosquini proíbe ingestão de bebidas alcoólicas no interior de veículos

O projeto busca proibir a ingestão de bebidas alcoólicas não só pelos condutores mas também pelos passageiros.

Assessoria
Publicada em 20 de abril de 2017 às 08:40
Projeto do deputado Mosquini proíbe ingestão de bebidas alcoólicas no interior de veículos

A cada ano cerca de 45 mil pessoas perdem suas vidas em acidentes de trânsito no Brasil. Este alto índice de acidentes motivou o deputado federal Lúcio Mosquini(PMDB-RO) a apresentar na Câmara dos Deputados o Projeto de Lei 6.795/2017, que visa proibir a ingestão de bebidas alcoólicas no interior de veículos.

"Há uma verdadeira epidemia de acidentes de trânsito no país. E o mais doloroso é que uma grande parcela dos acidentes poderiam ser evitados se não houvesse consumo de bebida alcoólica no interior dos veículos", afirmou Mosquini.

O projeto do deputado rondoniense visita alterar o artigo 105 da Lei 9.503, de 23 de setembro de 1997, que instituiu o Código de Trânsito Brasileiro. De acordo com o projeto a ingestão de bebida alcoólica no interior de qualquer tipo de veículo será considerada uma infração grave sujeita à multa e medida administrativa – recolhimento do documento de habilitação e retenção do veículo.

"O meu projeto busca proibir a ingestão de bebidas alcoólicas não só pelos condutores mas também pelos passageiros. A ingestão de bebidas alcoólicas pelos passageiros podem gerar situações que representem perigo para a segurança do trânsito, como por exemplo este oferecer bebida ao condutor. É este tipo de situação que queremos evitar e que vidas sejam preservadas", concluiu Mosquini.

A proposição do deputado Lúcio Mosquini visa contribuir para o aperfeiçoamento do Código Brasileiro de Trânsito, no que diz respeito à segurança.

Comentários

  • 1
    image
    MAURO 21/04/2017

    Isso somente serve de chacota para o resto do País, onde um camarada que foi eleito para defender o povo quer criar mais despesas para os cidadãos, ah, dá licença, vai tomar no bar do lado que tenho mais o que fazer, ainda bem que 2018 está chegando, não vejo a hora de trocar essas "peças", em que pese não ter nada com a eleição desse Deputado. Cadê a transposição dos servidores, isso sim interessa ao povo e ao Estado?

  • 2
    image
    el cabeça de boi 21/04/2017

    Com certeza é mais um que não tem o abito e quer meter guela a dentro nos demais.

  • 3
    image
    flavio 20/04/2017

    Esse dep.esqueceu de inclui no projeto o teste do bafômetro nos passajeiros.kkkkkk

  • 4
    image
    Paulo 20/04/2017

    A velha mania do Estado querendo interferir na vida do cidadão, uma coisa q eu concordo é o condutor não fazer uso de álcool ou drogas. Outra é se o carro é meu e o(s) passageiro(s) estiverem tomando uma gelada, desde que não prejudique ninguém, qual o problema? Este Sr poderia se preocupar com coisas mais urgentes, como Saúde, Educação, Segurança e menos CORRUPÇÃO. Desta forma, realmente ele estaria preocupado com a população.

  • 5
    image
    marcos britto 20/04/2017

    O que queria entende,r é onde esses representantes do povo,querem chegar criaando leis absurdas,pois e os taxistas,que querem conduzir passageiros,mesmo que bêbados...os ônibus,a verdade é que essa idéia é insana,absurdaKKKKKKKKKKKKKKKK

Envie seu Comentário

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook