Sindicato se revolta e emite nota chamando de “ditadora” a secretária de Educação de Vilhena 

Raquel Donadon está proibindo reuniões em escolas.

Folha do Sul 
Publicada em 16 de junho de 2017 às 16:33

O Sindicato dos Servidores Municipais do Cone Sul de Rondônia (Sindsul), que representa o funcionalismo da prefeitura de Vilhena, subiu o toma para criticar a decisão da Secretária de Educação, Raquel Donadon.

Numa dura nota de repúdio, a entidade sindical classificou como “ditadora” a titular da Semed, que não permite que representantes da entidade se reúna com servidores de escolas municipais em Vilhena.

Veja abaixo, na íntegra, a nota emitida pelo Sindsul contra a postura da educadora, cunhada da prefeita Rosani Donadon (PMDB):

NOTA DE REPÚDIO:

Sindsul emite nota direcionada à secretária de educação de Vilhena

Agindo de forma ditadora, a secretária de educação do município de Vilhena, enviou na manhã desta sexta-feira, 16 de junho, ao Sindsul (Sindicato dos Servidores Municipais do Cone Sul de Rondônia), um documento que impede a associação de visitar as

escolas do município. 

A celeuma teve início na última quarta-feira, 14, quando representantes do Sindsul se dirigiram até cinco instituições de ensino na cidade, para entregar um documento, assinado pelo presidente Wanderley Ricardo Campos, onde era informado que o Sindicato faria visitas e reuniões com os servidores de tais locais. Em uma delas, foi dito aos sindicalistas que a secretária não havia autorizado o recebimento do documento. Outra instituição de ensino, apesar de ter recebido a notificação, entrou em contato através de ligação telefônica com o Sindicato logo em seguida, cancelando a visita. 

O documento enviado (foto) ao Sindsul pela Semed e assinado por Raquel Donadon, diz que é impossível que o Sindicato realize reuniões dentro das escolas e indica que e Sindicato as faça dentro de suas próprias instalações. 

Wanderley classificou como arbitrária a atitude da secretária e declarou que irá convocar os representantes das escolas e diretores para que seja tomada uma atitude a respeito do caso. 

Comentários

  • 1
    image
    wilson lopes da costa melo 16/06/2017

    O que tenho observado, as pessoas quando chegam ao poder através do voto da sociedade, após eleitos pensam que o mandato é eterno, querem mandar em todo mundo, centralizam o poder administrativa municipal, como se fossem donos dos Municípios! Pobres mortais, são apenas 48 meses, passa rápido, logo estarão por aí mais rodados, perdidos semelhante um cachorro quando cai do caminhão de mudança!! Fala sério!! Idiotas...

Envie seu Comentário

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook