Testoni é condenado a 10 anos de prisão no regime fechado por estupro de duas meninas de 13 anos

Ficou comprovado no processo que Paco Testoni manteve relações sexuais com as duas garotas, embora tenha negado este fato em juízo, inclusive alegando ter ficado apenas com uma. Ele disse que não consumou o ato sexual, que, " infelizmente", teria "broxado" na hora, mas as duas meninas desmentiram o empresário.

Da reportagem do Tudorondonia
Publicada em 13 de abril de 2017 às 17:30
Testoni é condenado a 10 anos de prisão no regime fechado por estupro de duas meninas de 13 anos

Ouro Preto do Oeste, Rondônia - O juiz Haruo Mizusaki, da 1ª Vara Criminal de Ouro Preto do Oeste, condenou o empresário Paco Testoni a 10 anos de prisão em regime fechado por ter estuprado duas adolescentes de 13 anos de idade cada uma. Paco, figura influente na cidade, é irmão do ex-prefeito Alex Testoni e do ex-deputado estadual Jaques Testoni.

Juntamente com Paco Testoni também foi condenado Cícero de Souza Pires Junior, um acadêmico de direito que trabalhava com o empresário e também manteve relações sexuais com as garotas no mesmo quarto de motel. Patrão e empregado distribuiram cerveja, vodca e energético para as adolescentes antes de estuprá-las.

O crime aconteceu na noite de 13 de abril de 2016 no motel Anonimous, na BR-364, na cidade de Ouro Preto do Oeste. O caso só foi descoberto porque uma das garotas se sentiu mal na escola, onde vomitou, e os professores alertaram sua mãe, que, por sua vez, flagrou a amiga da filha entregando-lhe uma pílula do dia seguinte fornecida pela dupla de estupradores.

Toda a trama que resultou no estupro começou no escritório de Paco Testoni, no Posto Cidade.

Ficou comprovado no processo que Paco Testoni manteve relações sexuais com as duas garotas, embora tenha negado este fato em juízo, inclusive alegando ter ficado apenas com uma. Ele disse que não consumou o ato sexual, que, " infelizmente", teria "broxado" na hora, mas as duas meninas desmentiram o empresário. 

Comentários

  • 1
    image
    robson mendes codeço 13/04/2017

    muito bem,mas esse vagabundo esta tirando férias em São Paulo com desculpa de tratamento de saúde,se fosse pobre estava na cadeia como muitos, agora vamos ver se via pra cadeia de verdade ou se novamente o dinheiro e´a justiça nesse país.

Envie seu Comentário

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook