ALE repudia agressão a deputado empurrado e expulso quando fiscalizava usina em Rondônia

Assembleia promete tomar providências para assegurar fiscalização da usina e prerrogativas do parlamentar.

ALE
Publicada em 09 de fevereiro de 2019 às 22:14
ALE repudia agressão a deputado empurrado e expulso quando fiscalizava usina em Rondônia

Deputado estadual Adelino Follador (DEM), vítima de agressão quando fiscalizava usina hidrelétrica 

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO ESTADO DE RONDÔNIA

Nota de Repúdio

A Assembleia Legislativa de Rondônia repudia veementemente o desrespeito ao deputado estadual Adelino Follador (DEM), durante o desempenho de suas atividades parlamentares na PCH Jamari, onde buscava informações sobre os graves problemas gerados pela cheia do Rio Jamari. O deputado foi empurrado e expulso do local por um segurança, em uma completa agressão a Constituição do Estado, que garante as prerrogativas do parlamentar no seu legítimo direito fiscalizador.

Ao tempo em que se solidariza com o deputado Follador, a Assembleia Legislativa de Rondônia informa que está tomando todas as medidas necessárias, seja para resguardar as prerrogativas de seus membros e ainda buscando firmes ações para minimizar os efeitos da cheia no Rio Jamari.

Importante destacar que as prerrogativas dos deputados estaduais garantem a firme atuação da Assembleia Legislativa nas questões de pleno interesse do povo rondoniense.

Deputado Laerte Gomes

Presidente

Envie seu Comentário

 

Comentários

  • 1
    image
    Heitor Borges 11/02/2019

    Deixa eu entender: O nobre deputado dirigiu-se a uma Pequena Central Hidrelétrica (PCH). Não se trata de local público, com acesso livre a todos. Será que o deputado pediu licença ao proprietário, para fazer uma fiscalização? Parece que não. O Segurança do local, fez o que deveria fazer: Não deixar entrar na empresa privada, alguém que não portasse uma autorização concedida pelos donos da PCB. Será que o diligente deputado também foi averiguar a segurança das muitas PCH'S da família Cassol, construídas com recurso a fundo perdido?

  • 2
    image
    ANTONIO LACERDA DE ASSUNÇÃO 11/02/2019

    Não somente o Senhor Deputado tem a prerrogativa de fiscalizar, como quiasquer cidadão tem essa obrigação na qualidade de autoridade maior, trata-se de Sua Excelência, O CONTRIBUINTE !

  • 3
    image
    Chico Bento 10/02/2019

    Parabéns deputado "esfolador", não sabia que sua "ixelência" era engenheiro especialista em barragens e ainda fiscal. Vejo que temos um parlamentar multifuncional. RSSSSSSSSSSSSSSSSSSSSS

  • 4
    image
    Marinho 10/02/2019

    Parabéns ao Deputado, Estamos em um país que já tem 2 tragédias com barragens então isso não pode acontecer. Deputado Folador nos representa deixem ele trabalhar. Parabéns Deputado!

  • 5
    image
    Edgar Nunes Romao 10/02/2019

    Lamentável o que ocorreu. Temos que repudiar e que essas usinas e barragens sejam fiscalizadas de maneira criteriosa. Parabéns Adelino por sua forte atuação. Tamos juntos.

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

A política não é profissão

A política não é profissão

Por seu caráter especial, a política precisa ser exercida com elevado sentimento de missão, a cargo daqueles efetivamente vocacionados e preparados para cumpri-la.