FNDE publica orientações para execução da alimentação escolar no retorno às aulas presenciais

Objetivo é garantir mais segurança à comunidade escolar na hora das refeições

Felipe Moura/Brasil 61
Publicada em 18 de outubro de 2020 às 11:13
FNDE publica orientações para execução da alimentação escolar no retorno às aulas presenciais

O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) publicou um documento com recomendações para a execução do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) em meio à pandemia da Covid-19. O objetivo é garantir mais segurança para a comunidade escolar no retorno às atividades presenciais, principalmente na hora das refeições. 

O documento orienta o transporte, recebimento e armazenamento dos alimentos, além de fornecer recomendações sobre a higienização dos produtos, embalagens, utensílios, equipamentos e superfícies de preparo das refeições, por exemplo. 

Guia de retorno às aulas presenciais para a educação básica é apresentado pelo MEC

FNDE repassa mais R$ 376 mi a estados e municípios para alimentação escolar

Ainda como forma de minimizar os riscos de propagação do novo coronavírus, o FNDE recomenda a flexibilização dos horários das refeições, com estudantes separados por turnos; diminuir o número de alunos por mesa e separá-las adequadamente e aumentar a ventilação natural dos ambientes. 

Para elaborar o documento, o FNDE contou com o apoio do Ministério da Saúde, da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) e de outras instituições e especialistas. 

Envie seu Comentário

 

Comentários

    Seja o primeiro a comentar

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook