Deputada tucana aponta ex-senador como candidato, mas não descarta concorrer ao governo de Rondônia

“Eu, com 31 anos, não tenho idade para concorrer a senadora. Mas posso disputar o Governo, caso o Expedito não concorra. Meu nome está à disposição do PSDB”.

Fonte: Folha do Sul 
Publicada em 16 de abril de 2018 às 09:14
Deputada tucana aponta ex-senador como candidato, mas não descarta concorrer ao governo de Rondônia

Em visita à redação do FOLHA DO SUL ON LINE, na manhã de sábado, 14, a deputada federal Mariana Carvalho (PSDB), falou de sua atuação parlamentar e foi enfática ao defender que seu partido tenha candidato próprio a governador este ano.

Preparando-se para percorrer outras cinco cidades do Cone Sul, a tucana disse que destinou emendas para toda a região. “Foi minha forma de retribuir a boa votação que tive aqui em 2014”, disse, explicando que, em Brasília, mesmo exercendo seu primeiro mandato, conseguiu uma conquista inédita: é a primeira mulher a ocupar a 2ª Secretaria da Mesa Diretora da Câmara dos Deputados.

Além disso, a jovem presidente do PSDB em Rondônia se diz orgulhosa por já ter apresentado mais de 100 projetos de lei em sua estreia como congressista.

Sobre a definição do PSDB em relação à disputa pelo Governo de Rondônia, Mariana explicou que o nome do partido para encarar o pleito é o do ex-senador Expedito Júnior, mas ressalvou: “Eu, com 31 anos, não tenho idade para concorrer a senadora. Mas posso disputar o Governo, caso o Expedito não concorra. Meu nome está à disposição do PSDB”.

Envie seu Comentário

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook