Deputado Léo Moraes garante que bandeira tarifária não será cobrada na conta de luz dos rondonienses

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anunciou que em julho a bandeira tarifária será amarela, ou seja, as contas de energia terão cobrança extra de R$2 a cada 100 kilowatts-hora (kWh) consumidos.

Assessoria
Publicada em 04 de julho de 2017 às 08:51
Deputado Léo Moraes garante que bandeira tarifária não será cobrada na conta de luz dos rondonienses

Mas deputado Léo Moraes garantiu que os rondoniesnes não pagarão este aumento. Desde 2015, Léo luta pelo fim dessas cobranças.

“Levamos a demanda para a Federação das Associações Comerciais e Empresariais de Rondônia (Facer), e propomos uma ação civil pública para o fim da bandeira tarifária. Após vários debates e discussões, conseguimos vitória: NENHUMA BANDEIRA TARIFÁRIA SERÁ COBRADA EM RONDÔNIA.” Enfatizou o parlamentar.

De acordo com Aneel, o fator que determinou o acionamento da bandeira amarela foi o aumento do custo de geração de energia elétrica.

Entenda as bandeiras tarifárias

  • Verde – sem cobrança adicional.

Condições favoráveis de geração de energia

  • Amarela – R$2 por 100 kWh

Condições pouco favoráveis de geração de energia

  • Vermelha – R$3 por 100 kWh

Custo de energia mais caro

Envie seu Comentário

 

Comentários

    Seja o primeiro a comentar

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook