Gerente de tabacaria é preso após manter aberto estabelecimento que havia sido interditado pela Vigilância

Rapaz de 21 anos tinha conhecimento da situação

Jéssica Chalegra/Folha do Sul/Foto: Carlos Mont Serrate/ Rota Policial News
Publicada em 22 de janeiro de 2020 às 09:14
Gerente de tabacaria é preso após manter aberto estabelecimento que havia sido interditado pela Vigilância

O gerente de uma tabacaria da região central de Vilhena foi preso na noite da terça-feira, 21, após descumprir uma ordem da vigilância sanitária e abrir o estabelecimento, que havia sido interditado no dia 15 (lembre aqui). Ele estava com mais pessoas no local, quando fiscais e policiais do PATAMO (Patrulhamento Tático Móvel) chegaram e deram voz de prisão.
 
Segundo a ocorrência, a polícia foi acionada para cumprir uma segunda ordem de interdição, já que a primeira foi desobedecida. Foi pedido aos responsáveis pela tabacaria que ela não fosse aberta até a regularização do alvará, mas, durante o final de semana, dias 18 e 19, o funcionamento foi normal.
 
A Vigilância Sanitária então retornou ao local na terça-feira, 21, onde o gerente, um rapaz de 21 anos, estava com outras pessoas. Ele, que tinha conhecimento da situação, recebeu voz de prisão e foi levado para a Unisp (Unidade Integrada de Segurança Pública). Já a tabacaria foi novamente fechada pelos fiscais.

Envie seu Comentário

 

Comentários

    Seja o primeiro a comentar

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook