Ivo Cassol tem 15 dias para pagar dívida de R$ 24,7 milhões sob pena de acréscimo de 20%

A determinação vem em cumprimento de sentença relativa a gastos do Estado de Rondônia com medidas de segurança implementadas em benefício do próprio Cassol e do ex-governador João Aparecido Cahulla

Tudorondonia
Publicada em 19 de setembro de 2023 às 11:46
Ivo Cassol tem 15 dias para pagar dívida de R$ 24,7 milhões sob pena de acréscimo de 20%

O juiz da 1a Vara de Fazenda Pública de Porto Velho, Audarzean Santana da Silva, decidiu que o ex-governador e ex-senador Ivo Cassol tem um prazo de 15 dias úteis para quitar uma dívida de R$ 24.752.883,70. Caso o pagamento não seja efetuado no prazo estipulado, será aplicado um acréscimo de 20%, equivalente a R$ 4.950.576,74.

O ex-governador Ivo Cassol foi intimado a pagar um montante de R$ 24.752.883,70 mais 5% de honorários, no valor de R$ 1.237.644,18, no prazo de 15 dias úteis. A determinação vem em cumprimento de sentença relativa a gastos do Estado de Rondônia com medidas de segurança implementadas em benefício do próprio Cassol e do ex-governador João Aparecido Cahulla.

O montante é fruto de uma decisão que invalidou a Lei no. 2.255/2010 e o Decreto no. 15.861/2011, os quais concediam benefícios de segurança a Ivo Cassol e João Cahulla. A liquidação da sentença considerou todas as despesas suportadas pelo Estado de Rondônia decorrentes das medidas de segurança fornecidas aos dois políticos e seus familiares.

Os advogados do Estado de Rondônia, Marcelo Duarte Capelette, Andre Luiz Lima e a Procuradoria Geral do Estado de Rondônia atuaram como exequentes, enquanto Ernandes Viana de Oliveira, Marcus Vinicius de Oliveira Cahulla, entre outros, representaram os executados.

Prazo e Penalidades

O detalhe crucial da decisão judicial é o prazo de 15 dias úteis concedido para o pagamento da dívida. Caso o ex-governador Ivo Cassol não efetue o pagamento no período estipulado, será aplicada uma multa de 20% sobre o valor devido, resultando em um acréscimo de R$ 4.950.576,74.

A decisão judicial segue o artigo 523 do Código de Processo Civil (CPC), que estabelece as regras para o cumprimento de sentenças.

Comentários

    Seja o primeiro a comentar

Envie seu Comentário

 
Winz

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook