Ministério da Saúde muda plataforma de informações e altera rotina de envio de dados sobre coronavírus em Rondônia

Os únicos dados de acesso do Estado de Rondônia ao novo link são 555 casos notificados de coronavírus, sendo, 48 descartados e 3 casos confirmados

Mineia Capistrano | Secom - Governo de Rondônia
Publicada em 24 de março de 2020 às 18:31

O Ministério da Saúde (MS) está em processo de mudança e adequação na plataforma de dados que agrega as informações relacionadas ao novo coronavírus (Covid-19), com limitação de acesso aos Estados e mudança na nomenclatura de casos.

Uma das mudanças foi quanto à utilização do sistema de notificação REDCap, que está sendo integrado ao link  Kibana/formsus2. A alteração causou instabilidade nas informações e impediu o envio de relatório para compor o Boletim 11, que deveria ser emitido na segunda-feira (23), pelo Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (Cievs), gerência ligada à Agência Estadual de Vigilância em Saúde de Rondônia (Agevisa).

O coordenador do Cievs estadual, Sid Orleans, explicou que o sistema do Ministério, além de corrigido para o funcionamento normal, brevemente será atualizado com novas definições operacionais que serão definidas pela pasta de saúde do Executivo Federal.

Nessa configuração, o Ministério da Saúde divulga os casos notificados (todos os registros), os casos descartados, que são os que já tem resultado do exame laboratorial, os casos confirmados e há ainda uma nova variável para casos aguardando resultado.

Os únicos dados de acesso do Estado de Rondônia ao novo link do kibana/formsus2, no dia 24 de março, às 17:37  horas são 555 casos notificados de coronavírus em Rondônia, sendo, 48 descartados e 3 casos confirmados, divulgados anteriormente.

Dados detalhados com a situação individual dos municípios não estão disponíveis nesse processo de integração.

 

Envie seu Comentário

 

Comentários

    Seja o primeiro a comentar

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook