Prefeitura investe quase R$ 100 mil em programa emergencial para atender produtores durante pandemia

Semagri lançou o “PAA Municipal Emergencial” para garantir renda aos agricultores e alimentação a entidades beneficentes

Semcom
Publicada em 24 de março de 2020 às 14:21
Prefeitura investe quase R$ 100 mil em programa emergencial para atender produtores durante pandemia

Primeira etapa aconteceu na manhã desta terça-feira, 24, no barracão da feira do Centro

Para evitar que os pequenos produtores rurais percam sua produção neste período de pandemia, a Secretaria Municipal de Agricultura (Semagri) lançou o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) Municipal de Emergência, que garante a compra dos alimentos pela Prefeitura e sua distribuição para entidades beneficentes que auxiliam pessoas em vulnerabilidade social. A primeira etapa aconteceu na manhã desta terça-feira, 24, no barracão da feira do Centro.

O recurso usado para aquisição desses produtos vem do Programa Porteira Adentro, que investirá até R$ 100 mil na compra. “Nós decidimos realizar esse novo programa emergencial para garantir que o homem do campo não passe por necessidades neste período que estamos enfrentando, principalmente devido ao fechamento das feiras livres. Isso vai garantir o escoamento da produção e alimentos de qualidade para quem precisa, mesmo durante esta crise mundial”, explicou o secretário da Semagri, Jair Dornelas.

Para o feirante Diego Ramos, que produz em torno de 100 hortaliças por dia, vê neste programa a salvação do pequeno produtor local. “Eu achava que ia perder toda a minha produção, mas agora temos essa luz”, afirmou.

A feirante Adriana Taschner, que também está participando do programa, vê essa atitude como uma forma de manter as contas em dia. “Estamos muito feliz. Agora essa renda vai permitir que o alimento seja aproveitado e que os produtores consigam se manter por esse período de dificuldades”, disse.

O programa está usando os mesmos critérios que o PAA estadual, como tabela de preços, leis já em vigor e distribuição para as entidades cadastradas. Como as escolas não estão em funcionamento, novas entidades podem se cadastrar de forma bem simples para receber os alimentos: basta entrar em contato com a Semagri pelo número 3321-3881, das 7h às 13h, de segunda à sexta-feira.

Envie seu Comentário

 

Comentários

    Seja o primeiro a comentar

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

O mundo está de joelhos

O mundo está de joelhos

E não é para rezar ou pedir algo. Os prejuízos já são incalculáveis.As nações mais ricas do mundo estão vivendo o horror com números cada vez maiores de infectados, doentes e mortos