Sarita da 7 deixa as ruas e as drogas e tenta recomeçar a vida com a ajuda de amigos

Também largou as drogas e não parece mais a antiga moradora de rua que sofreu todo o tipo de humilhação e violência física por conta de sua condição. O início da redenção veio por meio de um amigo, Rodrigo Santana, que, na última terça-feira, estendeu a mão e resgatou Sarita.

Tudorondonia/Euideal
Publicada em 14 de março de 2019 às 08:09
Sarita da 7 deixa as ruas e as drogas e tenta recomeçar a vida com a ajuda de amigos

Porto Velho, Rondônia - Moradora de rua conhecida no centro da cidade de Porto Velho, Welinson Oliveira de Sá, a Sarita da 7, de 25 anos, tem agora uma oportunidade de recomeçar a vida longe das ruas.

Ajudada por um amigo, Sarita, homossexual assumido, deixou a  Avenida 7 de Setembro, no centro de Porto Velho, para tentar um recomeço numa igreja evangélica da capital, que passou a freqüentar.

Também conhecida como Sara Paraíso, largou as drogas e não parece mais a antiga moradora de rua que sofreu todo o tipo de humilhação e violência física por conta de sua condição.

O início da redenção veio por meio de um amigo, Rodrigo Santana, que, na última terça-feira, estendeu a mão e resgatou Sarita.

Agora, ele pede apoio aos amigos e conhecidos para ajudar na recuperação de Sarita. Quem tiver interesse em ajudar com alimentos, roupas, auxilio médico e dentário basta entrar em contato pelo telefone (69) 99344-3479.

Envie seu Comentário

 

Comentários

  • 1
    image
    Roosevelt 14/03/2019

    Por vezes acho que o mundo está perdido, mas quando leio uma notícia assim, volto a acreditar na humanidade e quem nem tudo está perdido, desejo a você que se reconstrua e que sirva de exemplos a muitos outros que está em situação semelhante, não somente pelas drogas, mas pela depressão ou outro problema pessoal.

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook