Servidores contemplados com ação do salário-mínimo estão sendo vítimas de golpe

O Sintero faz orientação novamente aos servidores/as para que não forneçam dados pessoais e nem compartilhem a lista com valores, uma vez que, por se tratar de um processo público

Assessoria/Sintero
Publicada em 22 de setembro de 2022 às 10:19
Servidores contemplados com ação do salário-mínimo estão sendo vítimas de golpe

O Sintero alerta novas tentativas de golpes. Desta vez, o alvo dos criminosos são os servidores e servidoras contemplados pela ação do salário-mínimo (processo nº006439-92.2010.8.22.0000).

Seguindo a mesma prática, eles entram em contato via telefone ou mensagem no WhatsApp e solicitam depósitos antecipados para que os filiados e filiadas tenham acesso aos valores indenizatórios. Também disponibilizam uma lista com valores a receber e ressaltam não haver necessidade de entregar documentos ao Sintero, visto que o ato é dispensável.

O Sintero faz orientação novamente aos servidores/as para que não forneçam dados pessoais e nem compartilhem a lista com valores, uma vez que, por se tratar de um processo público, os criminosos estão utilizando dados antigos para tirar proveito da categoria. Além disso, o sindicato destaca que age com cautela, transparência e respeito. Por isso, mesmo que o Tribunal de Justiça de Rondônia (TJ/RO) faça atualização do precatório não serão divulgados relações com exibição de informações pessoais dos beneficiários, uma vez que essa superexposição é crime e coloca a todos em situação de vulnerabilidade.

Conforme solicitado pelo TJ/RO, os professores e professoras estaduais devem procurar a Sede Administrativa ou Sedes Regionais do Sintero, que é o representante legal da categoria na ação judicial, para preencher o requerimento com indicação de dados bancários até o dia 30 de setembro.

Em caso de dúvidas ou esclarecimentos, entre em contato pelo número (69) 3217-8600 ou pelos números disponíveis em https://sintero.org.br/page/diretoria.

Envie seu Comentário

 

Comentários

    Seja o primeiro a comentar

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook