Gloria Pires e uma seleção de celebridades alertam brasileiros sobre doença que pode levar à cegueira

A incidência do glaucoma é estimada de 1% a 2% na população geral, aumentando após os 40 anos (2%), podendo chegar a 6% ou 7% após os 70 anos de idade

Fonte: Assessoria/Imprensa CBO/Foto: Reprodução - Publicada em 14 de maio de 2024 às 17:32

Gloria Pires e uma seleção de celebridades alertam brasileiros sobre doença que pode levar à cegueira

As atrizes Gloria Pires, Maria Clara Gueiros, Ana Petta, Ana Rosa, Lina Mello e Mayana Neiva, o ator Carmo Dalla Vecchia e o humorista e ator Rafael Portugal são alguns dos nomes que integram um time de celebridades que se uniu ao Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO) para conscientizar a população sobre os riscos do glaucoma, principal causa de cegueira irreversível em todo o mundo.

A incidência do glaucoma é estimada de 1% a 2% na população geral, aumentando após os 40 anos (2%), podendo chegar a 6% ou 7% após os 70 anos de idade. O acometimento é bilateral, na maioria dos casos. O caráter hereditário confere aos parentes de 1º grau até 10x mais chances de desenvolver a doença.

Outros nomes engrossam essa seleção de peso de apoiadores. Dentre eles, estão Amanda Meirelles, médica e campeã do BBB 23; Ronaldão, ex-zagueiro e campeão da Copa do Mundo FIFA de 1994; Peter Jordan, empresário e CEO do Ei Nerd; Luiza Helena Trajano, empresária; e Juliana Sinimbú, artista paraense, também decidiram emprestar suas imagens e vozes para alertar os brasileiros sobre os riscos da doença. Todos gravaram vídeos com mensagens de esclarecimento sobre o tema, que estão sendo veiculados nas redes sociais.

O engajamento dessas personalidades faz parte de uma campanha promovida anualmente pelo CBO e pela Sociedade Brasileira de Glaucoma (SBG). O ponto alto desse esforço será em 25 de maio (sábado) com a transmissão, pelo canal do CBO no YouTube, de uma maratona de entrevistas, reportagens, depoimentos e debates sobre diferentes aspectos relacionados à doença.

CLIQUE AQUI E CONFIRA TODAS AS INFORMAÇÕES

Assim como na maratona 24 Horas pelo Glaucoma, nome da campanha organizada pelo CBO e pela SBG, as personalidades que apoiam a causa oferecem, em seus depoimentos, informações úteis e motivação. Por exemplo, Gloria Pires ressalta a importância do diagnóstico e tratamento precoce. "Quanto mais cedo for feito o diagnóstico e iniciado o tratamento, maiores são as chances de o caso não evoluir em gravidade. Por isso, visite regularmente o oftalmologista para realizar exames preventivos", recomenda a atriz.

Por sua vez, Carmo Dalla Vecchia destaca a necessidade de monitorar a pressão intraocular e reforça como o acompanhamento médico pode ser determinante para a saúde ocular dos pacientes. "Com os exames e o monitoramento em dia, é possível identificar o glaucoma - doença que, quando diagnosticada precocemente, pode ser controlada, evitando assim casos de cegueira", salienta o ator.

Segundo a presidente do CBO, Wilma Lelis, o objetivo do "24h pelo Glaucoma" é difundir informações médicas com evidências científicas em uma linguagem acessível para que a população tenha uma fonte confiável. "Glaucoma, via de regra, não dá sintomas. Quando se percebe a perda visual, a doença já está em estágio avançado e, o que é pior, de forma irreversível. É preciso que a população compreenda a necessidade de consultas regulares com um oftalmologista. Somente esse especialista é capaz de realizar o diagnóstico preciso no estágio inicial da doença e indicar qual é a melhor opção de tratamento para cada pessoa", alerta.

24h pelo Glaucoma ocorre tradicionalmente em maio por causa do Dia Nacional do Combate ao Glaucoma, celebrado em 26 de maio. Como parte das comemorações, a maratona online pretende sensibilizar o público e, para isso, conta com a participação de celebridades que dão dicas sobre a prevenção. Em edições anteriores, nomes como Tony Ramos, Caco Ciocler, Carlinhos Brown, entre outros, emprestaram suas imagens e vozes para essa causa.

Gloria Pires e uma seleção de celebridades alertam brasileiros sobre doença que pode levar à cegueira

A incidência do glaucoma é estimada de 1% a 2% na população geral, aumentando após os 40 anos (2%), podendo chegar a 6% ou 7% após os 70 anos de idade

Assessoria/Imprensa CBO/Foto: Reprodução
Publicada em 14 de maio de 2024 às 17:32
Gloria Pires e uma seleção de celebridades alertam brasileiros sobre doença que pode levar à cegueira

As atrizes Gloria Pires, Maria Clara Gueiros, Ana Petta, Ana Rosa, Lina Mello e Mayana Neiva, o ator Carmo Dalla Vecchia e o humorista e ator Rafael Portugal são alguns dos nomes que integram um time de celebridades que se uniu ao Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO) para conscientizar a população sobre os riscos do glaucoma, principal causa de cegueira irreversível em todo o mundo.

A incidência do glaucoma é estimada de 1% a 2% na população geral, aumentando após os 40 anos (2%), podendo chegar a 6% ou 7% após os 70 anos de idade. O acometimento é bilateral, na maioria dos casos. O caráter hereditário confere aos parentes de 1º grau até 10x mais chances de desenvolver a doença.

Outros nomes engrossam essa seleção de peso de apoiadores. Dentre eles, estão Amanda Meirelles, médica e campeã do BBB 23; Ronaldão, ex-zagueiro e campeão da Copa do Mundo FIFA de 1994; Peter Jordan, empresário e CEO do Ei Nerd; Luiza Helena Trajano, empresária; e Juliana Sinimbú, artista paraense, também decidiram emprestar suas imagens e vozes para alertar os brasileiros sobre os riscos da doença. Todos gravaram vídeos com mensagens de esclarecimento sobre o tema, que estão sendo veiculados nas redes sociais.

O engajamento dessas personalidades faz parte de uma campanha promovida anualmente pelo CBO e pela Sociedade Brasileira de Glaucoma (SBG). O ponto alto desse esforço será em 25 de maio (sábado) com a transmissão, pelo canal do CBO no YouTube, de uma maratona de entrevistas, reportagens, depoimentos e debates sobre diferentes aspectos relacionados à doença.

CLIQUE AQUI E CONFIRA TODAS AS INFORMAÇÕES

Assim como na maratona 24 Horas pelo Glaucoma, nome da campanha organizada pelo CBO e pela SBG, as personalidades que apoiam a causa oferecem, em seus depoimentos, informações úteis e motivação. Por exemplo, Gloria Pires ressalta a importância do diagnóstico e tratamento precoce. "Quanto mais cedo for feito o diagnóstico e iniciado o tratamento, maiores são as chances de o caso não evoluir em gravidade. Por isso, visite regularmente o oftalmologista para realizar exames preventivos", recomenda a atriz.

Por sua vez, Carmo Dalla Vecchia destaca a necessidade de monitorar a pressão intraocular e reforça como o acompanhamento médico pode ser determinante para a saúde ocular dos pacientes. "Com os exames e o monitoramento em dia, é possível identificar o glaucoma - doença que, quando diagnosticada precocemente, pode ser controlada, evitando assim casos de cegueira", salienta o ator.

Segundo a presidente do CBO, Wilma Lelis, o objetivo do "24h pelo Glaucoma" é difundir informações médicas com evidências científicas em uma linguagem acessível para que a população tenha uma fonte confiável. "Glaucoma, via de regra, não dá sintomas. Quando se percebe a perda visual, a doença já está em estágio avançado e, o que é pior, de forma irreversível. É preciso que a população compreenda a necessidade de consultas regulares com um oftalmologista. Somente esse especialista é capaz de realizar o diagnóstico preciso no estágio inicial da doença e indicar qual é a melhor opção de tratamento para cada pessoa", alerta.

24h pelo Glaucoma ocorre tradicionalmente em maio por causa do Dia Nacional do Combate ao Glaucoma, celebrado em 26 de maio. Como parte das comemorações, a maratona online pretende sensibilizar o público e, para isso, conta com a participação de celebridades que dão dicas sobre a prevenção. Em edições anteriores, nomes como Tony Ramos, Caco Ciocler, Carlinhos Brown, entre outros, emprestaram suas imagens e vozes para essa causa.

Comentários

    Seja o primeiro a comentar

Envie seu Comentário

 
Winz

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook