Veja as diferenças e semelhanças de casamento e união estável

Uma grande parcela das pessoas não entende bem quais as diferenças e semelhanças entre o casamento e a união estável

Fonte: Assessoria/Foto: Pexels - Publicada em 14 de maio de 2024 às 17:29

Veja as diferenças e semelhanças de casamento e união estável

Afinal, não se fala tanto sobre isso por aí e muitos podem pensar que as divergências entre as duas formas de estabelecer um vínculo matrimonial sejam muito complicadas de entender, por se tratarem de algo jurídico.

O casamento também é um ato mais simbólico entre a união do casal, além das comemoração do tempo de casados, como as bodas de casamento.

Porém, isso é bem menos complicado do que você imagina. Dá para compreender bem as características do casamento e da união estável, até mesmo para escolher qual o melhor regime para você e seu parceiro.

Primeiramente, é preciso saber que ambos são formas reconhecidas pela lei para estabelecer um vínculo matrimonial e podem ocorrer entre pessoas do mesmo gênero ou de diferentes gêneros. Entretanto, o casamento é o mais comum e tradicional no Brasil.

“O casamento é uma forma de reconhecimento automático e garantia dos cônjuges a todos os direitos previstos em nossa legislação, como divisão de bens em um divórcio e herança, por exemplo”, explica o advogado Daniel Romano Hajaj, que tem experiência em direito de família.

Além disso, para poder ter uma união estável, é preciso cumprir certos requisitos, de acordo com o especialista. O principal é uma convivência pública, contínua e duradoura com objetivo de constituição de família.

Veja as diferenças e semelhanças de casamento e união estável

Uma grande parcela das pessoas não entende bem quais as diferenças e semelhanças entre o casamento e a união estável

Assessoria/Foto: Pexels
Publicada em 14 de maio de 2024 às 17:29
Veja as diferenças e semelhanças de casamento e união estável

Afinal, não se fala tanto sobre isso por aí e muitos podem pensar que as divergências entre as duas formas de estabelecer um vínculo matrimonial sejam muito complicadas de entender, por se tratarem de algo jurídico.

O casamento também é um ato mais simbólico entre a união do casal, além das comemoração do tempo de casados, como as bodas de casamento.

Porém, isso é bem menos complicado do que você imagina. Dá para compreender bem as características do casamento e da união estável, até mesmo para escolher qual o melhor regime para você e seu parceiro.

Primeiramente, é preciso saber que ambos são formas reconhecidas pela lei para estabelecer um vínculo matrimonial e podem ocorrer entre pessoas do mesmo gênero ou de diferentes gêneros. Entretanto, o casamento é o mais comum e tradicional no Brasil.

“O casamento é uma forma de reconhecimento automático e garantia dos cônjuges a todos os direitos previstos em nossa legislação, como divisão de bens em um divórcio e herança, por exemplo”, explica o advogado Daniel Romano Hajaj, que tem experiência em direito de família.

Além disso, para poder ter uma união estável, é preciso cumprir certos requisitos, de acordo com o especialista. O principal é uma convivência pública, contínua e duradoura com objetivo de constituição de família.

Comentários

    Seja o primeiro a comentar

Envie seu Comentário

 
Winz

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook