Deputado Anderson cobra informações do governo sobre disponibilização de EPIs para servidores do DETRAN em atividade ao público

Anderson Pereira destaca que os equipamentos se fazem necessários, devido os trabalhadores serem parte atuante da linha de frente do contágio

Assessoria
Publicada em 01 de junho de 2020 às 09:27
Deputado Anderson cobra informações do governo sobre disponibilização de EPIs para servidores do DETRAN em atividade ao público

O deputado Anderson Pereira (PROS), após receber uma série de denuncias encaminhou ao Governo do Estado de Rondônia requerimento solicitando as devidas informações acerca de medidas adotadas para resguardar a saúde de servidores do DETRAN-RO, que supostamente desempenham suas atividades diretamente ao publico sem receberem os devidos equipamentos de proteção individual (EPIs), para combater a pandemia da COVIOD19 – novo Coronavírus.

O parlamentar destaca que o requerimento tem por objetivo, obter com urgência a disponibilização dos equipamentos para reduzir os riscos de contaminação dos trabalhadores no desempenho de suas funções, bem como assegurar também a saúde da população.

O deputado Anderson aponta, que devido os números crescente nos casos em todo Estados, o risco de contrair a COVID19 e outras patologias se tonam ainda maiores, se os trabalhadores não tiverem devidamente protegidos como oriente a Organização Mundial da Saúde (OSM).

Anderson Pereira destaca que os equipamentos se fazem necessários, devido os trabalhadores serem parte atuante da linha de frente do contágio, que em todo mundo já matou milhares de pessoas, sendo de obrigação do executivo disponibilizar os EPIs, para que os servidores se sintam mais seguro em suas atuações.

Na ultima semana, o Governo aprovou um projeto de auxílio emergencial a servidores da segurança pública, que trabalham na linha de frente do contágio, deixando os trabalhadores do DETRAN de fora do recebimento do beneficio. A situação causou total desconforto na classe que se sentiu excluída.

Envie seu Comentário

 

Comentários

    Seja o primeiro a comentar

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook

Os militares, o Congresso domesticado e a tutela do presidente do STF

Os militares, o Congresso domesticado e a tutela do presidente do STF

"Os militares demonstram que vieram para ficar, que não estão no governo Bolsonaro apenas de passagem", diz o colunista Jeferson Miola. "O Congresso, do alto do seu cretinismo parlamentar, opera como agência operacional do capital em meio ao descalabro do país na pandemia", afirma ele, acrescentando que o STF "tem criado freios e apertado o cerco ao governo"