Jair Montes manifesta preocupação com ações de combate ao coronavírus

Deputado criticou ainda a informação de que o Governo quer cortar gratificação de servidores estaduais

Eranildo Costa Luna-ALE/RO
Publicada em 08 de abril de 2020 às 19:32
Jair Montes manifesta preocupação com ações de combate ao coronavírus

O deputado estadual Jair Montes (Avante) destacou a atuação da Assembleia Legislativa, na questão do enfrentamento à pandemia do novo Coronavírus (covid-19), mas externou a sua preocupação com as ações que estão sendo postas em prática.

"Parabenizo a todos os deputados estaduais pelo empenho, em prol do Estado de Rondônia. Mas, me preocupa a informação, dada pelo governador Marcos Rocha (PSL) em uma entrevista, de que o Estado tem apenas mais 45 dias de reserva técnica. O que significa que vai faltar dinheiro. Isso me preocupa muito", destacou.

Montes cobrou mais integração nas ações e transparência nas informações acerca do enfrentamento ao Coronavírus. "Sinto que está faltando integração, faltando sintonia. Por exemplo, o secretário de Saúde do Estado diz uma coisa e a secretaria municipal de Saúde de Porto Velho, diz outra. Essa falta de exames me preocupa e temos que avançar mais".

Jair Montes destacou ainda que "Nova Iorque não tem condições de atender a pandemia, com toda a estrutura que tem nas mãos, imaginem Rondônia? É séria a coisa. Hoje, já temos dificuldades em atender aos pacientes. Quem protege Rondônia é Deus. Manaus (AM) enfrenta uma grave crise, o Acre também".

O parlamentar declarou que o governador já acenou com a liberação do comércio e empresas, a partir do próximo dia 12, a cargo dos municípios. "É preciso abrir, mas com cada um cuidando um do outro. Onde for possível, no município sem casos, podemos avançar mais. Temos que equilibrar a economia, garantindo a saúde".

O deputado aproveitou para cobrar agilidade do Executivo, na condução das matérias. "Secretário da Casa Civil, quero pedir que as leis aprovadas nesta Casa, sejam sancionadas ou vetadas pelo Executivo, de forma célere. Não podemos aceitar ainda a retirada de gratificações e benefícios dos servidores estaduais, especialmente os servidores da saúde e da segurança".

Pesar

Jair Montes ainda externou o seu pesar pela morte da mãe do deputado José Lebrão (MDB), Maria Sbarra Clemente, ocorrida nesta terça-feira (07). "Pela forma como ela educou e encaminhou a toda a família, com certeza cumpriu a sua missão. Deixo aqui o meu carinho ao deputado Lebrão e a toda família".

Foto: Marcos Figueira-ALE/RO

Envie seu Comentário

 

Comentários

  • 1
    image
    Falei 09/04/2020

    Que cortem os CDs e não o que é direito garantido por lei aos servidores. Toda a corda, querem que arrebentem para o lado fraco. Inclusive, comecem a devolver para seus respectivos lugar servidores que estão lotados em outras secretaria só para ganhar cds. Desocupa a vaga para os que são da casa e vá trabalhar no seu lugar de origem!

Envie Comentários utilizando sua conta do Facebook